Fique por dentro!

Assine e receba notícias sobre os seus assuntos favoritos do Pais em Apuros.

Assine e receba notícias sobre os seus assuntos favoritos do Pais em Apuros.

Cuidados para a saúde das crianças no verão

Verão sem preocupação

Com a chegada das férias e do verão, a rotina das crianças muda, da alimentação ao tempo livre brincando expostas ao sol. Ou seja, mesmo sem praia e piscina, alguns cuidados básicos devem ser tomados pelos pais. Para ajudar você a prevenir contratempos, destacamos alguns cuidados que é preciso ter nesta época para evitar problemas que possam atrapalhar os dias de diversão da criançada.

Supervisão é essencial

Cuidados de verão - Pais em Apuros!

A criançada pode brincar, os pais podem se divertir, mas supervisão é ESSENCIAL! Afinal de contas, quando se trata de crianças, todo o cuidado é pouco e elas nunca devem ficar sozinhas, seja na praia, na piscina, no parque e até mesmo dentro de casa. Então, muita atenção para não desgrudar nem um tiquinho. Além de ser um cuidado, a companhia estreita os laços entre pais e filhos.

Procurando sobre cuidados na piscina e na praia? Clique aqui.

Sol na hora certa

Cuidados de verão - Pais em Apuros!

É importantíssimo que as crianças evitem o sol entre 10h e 16h e que sempre usem protetor solar, que precisa ser aplicado meia hora antes da exposição solar e, depois, a cada duas horas. Ao contrário do que muitas pessoas pensam, dias nublados também merecem proteção. Por isso, chapéus e bonés obrigatoriamente devem fazer parte do kit de férias das crianças.

Como o efeito radioativo do sol é acumulativo, é preciso ficar atento: a pele das crianças é muito sensível e podem ocorrer queimaduras e complicações se houver exposição solar exagerada. Assim como o protetor, roupas frescas que facilitem a transpiração e protejam do sol também são imprescindíveis.

Hidratação é lei!

Não espere seu filho pedir líquidos. Quando a criança pede água, em geral, é sinal de que algo pode não estar bem. Então, ofereça regularmente água, sucos naturais, chás e água de coco. De preferencia a cada 30 minutos. Fora de casa, os pais também devem se atentar a procedência da água.

O funcionamento do intestino também merece atenção, pois a diarreia pode desidratar rapidamente a criança. Os sinais clássicos de desidratação são lábios e língua secos, falta de elasticidade da pele e diminuição da urina. Se a criança apresentar esses sintomas já comece a hidratação em casa, antes mesmo de chegar ao pediatra. A velha receita do soro caseiro (1 copo de água para 1 colher (sopa) de açúcar e 1 colher (sobremesa de sal) é fácil de fazer em qualquer lugar. 

Alimentação equilibrada

Cuidados de verão - Pais em Apuros!
🍦 Sorvete pode, mas dieta baseada só em sorvete não ;D

Devido às altas temperaturas, as comidas podem estragar rapidamente, por isso, não compre comidas prontas na praia, nos parques ou no clube. Outra coisa que deve ser evitada são as frituras e salgadinhos: esses alimentos não tem nenhum valor nutritivo e apresentam uma alta quantidade de sal, gordura e conservantes.

A alimentação neste período deve ser a mais natural possível, baseada em legumes, grelhados e frutas, em especial as que tem alto teor líquido e vitaminas, como melancia, melão, laranja, abacaxi e maçã. Pipocas, feitas em casa com pouco óleo e sal, são uma boa saída para evitar o consumo de processados salgados. Ao contrário do que muitos pais pensam, doces, em pequenas quantidades, podem ser uma boa fonte de energia para as crianças.

De olhos nos insetos

Muito comuns no verão, é preciso muito cuidado com os insetos, principalmente após às 16h. Bons recursos para evitá-los em casa são repelentes elétricos e aqueles específicos para aplicar na pele da criança, que podem ser utilizados em qualquer ocasião. Só verifique antes com o pediatra qual deles o seu filho pode usar. 

Prevenindo acidentes

Cuidados de verão - Pais em Apuros!

No verão, é natural que as crianças aproveitem para fazer atividades ao ar livre e utilizar brinquedos como patins, bicicletas e skates. Não se esqueça do kit com capacete, joelheira e cotoveleira, que deve sempre fazer parte da brincadeira. Para evitar que algum acidente ocorra, como já ressaltamos aqui, é essencial que sempre haja um adulto supervisionando as brincadeiras.

Nesta época, a criançada também aproveita pra passar mais tempo no mar ou na piscina. Nesse caso, os pais devem redobrar a atenção e nunca, nunca mesmo, deixar uma criança sozinha perto de locais que tenham acesso a água, seja mar, piscina, balde, banheira ou caixa d’água. Para saber mais sobre cuidados relacionados a crianças e água, leia o nosso artigo especial sobre afogamentos.

Pais distraídos, crianças perdidas

Onde há multidão, há perigo de crianças perdidas. Seja na praia, no clube, no parque ou no shopping, em apenas um segundo de distração seu filho pode desaparecer. É claro que também não dá para pirar e se trancar em casa, até porque os pequenos um dia viram grandes. Mas algumas medidas de segurança são sempre bem-vindas. 

É importante orientar a criança sobre o que fazer caso ela perceba que está perdida. Ao chegar no local do passeio, mostre quem são os seguranças e marque um local de encontro bem chamativo. Você também pode colocar pulseiras ou etiquetas de identificação, contendo nome da criança, nome dos pais e telefones celulares e vestir a criança com alguma peça de roupa chamativa. Ao perceber que seu filho desapareceu, notifique o segurança do local, peça ajuda às pessoas ao seu redor, vá até o ponto de encontro combinado e procure fazer um Boletim de Ocorrência o mais rápido possível.

Cuidados que nunca acabam

Cuidados de verão - Pais em Apuros!

Também é aconselhável evitar o uso de água quente, preferindo o uso de água morna durante o banho. O uso de esponja é contraindicado e o sabonete deve ser hidratante para não irritar a pele e deixá-la mais ressecada. 

Outro cuidado importante é com os ouvidos e com os olhos do seu filho. Se quiser tampar o ouvido do seu filho para não entrar água da piscina ou do mar, coloque um chumaço de algodão embebido em óleo (pode ser até o de cozinha mesmo) ou use tampões. Já os olhos podem ficar irritados devido ao contato com a areia da praia, o sal do mar e o cloro da piscina. Inchaço e vermelhidão podem aparecer e o melhor é lavar os olhos com água fervida e fria.

Lembre o seu pequeno de descansar

Cuidados de verão - Pais em Apuros!

Por fim vale a pena lembrar do cansaço que os pequenos apresentam no final do dia. A fadiga por brincar muito pode acontecer e deve ser cuidada. É importante que os pais não forcem a alimentação e ofereçam líquidos, vitaminas, lanches leves e um bom banho para relaxar a musculatura. Colinho de pai e mãe sabe? Então, já resolve 😉

Boas férias! 😎🌞

***

Autor desta Publicação
Rafaella Teixeira
Jornalista, fotógrafa e viajante. Além de viver com a mochila nas costas, gosta de esportes, cultura de qualquer parte do mundo, cinema e música.

Escreva um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This
X