Fique por dentro!

Assine e receba notícias sobre os seus assuntos favoritos do Pais em Apuros.

Assine e receba notícias sobre os seus assuntos favoritos do Pais em Apuros.

De repente pai!

Pai? Eu?

O estudante de comunicação, Guilherme Machado, tinha 20 anos quando soube que seria pai. Mesmo adotando métodos anticoncepcionais, ele e a namorada Thaiz foram surpreendidos pela gravidez.

de repente pai - gravidez não planejada
De repente pai – O casal Guilherme Machado e Thaiz Wertz.

O casal estava vivendo um grande momento, felizes com o namoro, os dois fazendo estágio em um grande canal de televisão. Mas eis que a menstruação atrasa, o teste de gravidez aponta positivo. Eles se depararam com um bebê a caminho. O que fazer?

de repente pai - gravidez não planejada

E agora, José? A festa acabou?

Não mesmo. Gravidez não é doença, e os dois abraçaram a gravidez com uma mistura curiosa de medo e expectativa. Cientes que a vida iria mudar.

Guilherme e a namorada fazem parte de uma estatística que apesar de ser padrão é varrida para debaixo do tapete pela sociedade brasileira. Mais da metade das gravidezes no Brasil não são planejadas.

Uma pesquisa da ENSP/Fiocruz realizada com 24 mil brasileiras revela que 55,4% delas não tinham planejado engravidar.

Gravidez indesejada?

de repente pai - gravidez não planejada

Guilherme e a namorada não planejaram a gravidez, mas daí a dizer que o casal levou em frente uma “gravidez indesejada” é um termo muito forte. Passado o susto inicial, o casal viveu com muita alegria o período de gestação do pequeno Joaquim, o Joca de 3 meses.

E agora, Guilherme? A vida depois do pequeno Joca

de repente pai - gravidez não planejada

Após o nascimento do pequeno Joca, Guilherme e Thaiz têm compartilhado com o Pais em Apuros como está sendo a experiência de serem pais tão jovens. A Thaiz contou como foi o seu primeiro dia das mães. Agora com a proximidade do Dia dos Pais é a vez do Guilherme.

de repente pai - gravidez não planejada
De repente pai – Guilherme e Joca na faculdade.

“Parece papo de paizão de primeira viagem, mas é muito difícil tudo, inclusive explicar isso. Os últimos meses foram tão intensos que é até engraçado pensar que esse ainda é só o meu primeiro dia dos pais com ele aqui. Mudou tudo. Os planos, a rotina, as prioridades”, conta Guilherme.  

Guilherme versão 2.1 Pai do Joca

de repente pai - gravidez não planejada

O desafio de criar uma criança também está fazendo o papai Guilherme amadurecer. “É impressionante como ele me faz ver o mundo com olhos diferentes, como ele derruba várias dúvidas que eu tinha. É incrível como a gente passa a ter mais esperanças, a renovar aquele sentimento que a gente tinha quando era criança de que tudo no mundo ainda tem um cantinho bom, sabe? Ele está me fazendo crescer junto com ele, ser mais responsável. Essa relação com ele também me fez mudar MUITO no convívio com meus pais, com meus irmãos, com opiniões de pessoas mais velhas que gostam da gente. Sempre fui muito cabeça dura, e acho que essa foi uma das transformações mais importantes que ele proporcionou. ”

De repente pai

de repente pai - gravidez não planejada

O universitário também revela o momento ‘caiu a ficha’ de sua paternidade. “O primeiro momento foi logo na primeira noite, no hospital, quando as enfermeiras trouxeram ele para o quarto. Olhar para aquele ‘serumaninho’ e pensar que ele dependia de mim e que, diferente do tempo que fica na barriga, agora seria pra valer mesmo, dava uma mistura de frio na barriga, emoção e também um “putz, como vou dar conta?”. Mas foi a primeira noite em claro (de muitas outras) mais maravilhosa da minha vida. ”

“O segundo momento foi num dia depois do trabalho, não me lembro exatamente quando foi, mas era um dia no meio da semana, nada especial. Eu saí da emissora e fui direto pra casa da Thaiz porque com a correria de faculdade e estágio estava passando pouco tempo com o Joca e isso me incomodava. Lembro que quando abri a porta ele estava deitado no sofá ou no carrinho, do lado da Thaiz. Foi só eu começar a falar que percebi os olhinhos dele ficando arregalados, como se tivesse reconhecendo a voz. E foi só eu chegar perto para ele começar a fazer charminho dando risada remexendo o corpo, coisa que ele faz quando quer que pegue ele no colo. Eu ria e chorava ao mesmo tempo, é uma sensação maravilhosa que se repete desde então cada vez que ele dá uma risada ou ‘conversa’ com a gente”, conta um Guilherme encantado.

Dia dos pais

Sobre o primeiro dia dos pais ao lado do filho, o pai babão se derrete ainda mais.

“O que dá pra dizer é que certamente eu nunca senti nada (nada, nada, nada, nada, nada, nada, nada, nada…) parecido na vida, e provavelmente não vou conhecer nada maior. Estou muito ansioso para apertar ele nesse dia e poder estar do lado do meu pai também. Sério, eu estou muito empolgado e vai significar muito pra mim!”

A gente sabe que vai, Guilherme!

Feliz dia dos pais!!!

***

Padrim - Pais em Apuros

Clique para doar 🙂 

Autor desta Publicação
Gilmar Silva
Jornalista e educador.

Escreva um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This
X